linkaki

Flavio Bolsonaro e mais de 90 ex-funcionários do seu gabinete na Alerj atingidos por quebra sigilos determinadas pela Justiça do Rio



O senador Flavio Bolsonaro e mais de 90 pessoas ligadas a ele, entre mulher e ex-assessores de seu gabinete na Alerj, foram atingidos por uma decisão da Justiça do Rio de Janeiro que está dando o que falar. Todos tiveram a quebra sigilos bancários e fiscais quebrados por suspeitas de participação em um esquema de desvios de recursos públicos por meio de 'rachadinhas' de salários de assessores. O pedido havia sido feito pelo Ministério Público, para investigar movimentação financeira atípica do ex-assessor de Flavio, o ex-PM Fabricio Queiroz.

Segundo a BandNews, a decisão alcança Flavio Bolsonaro, sua espisa, Fernanda Bolsonaro, uma empresa do casal, o ex-assesor Fabricio Queiroz, as duas filhas do ex-PM, além de 88 ex-funcionários no gabinete do então deputado na Assembleia Legisltiva do Rio de Janeiro.




Informe seu Email para receber notícias :