linkaki

Decisão de Bolsonaro pode trazer milhões para o Brasil. Número de turistas estrangeiros deve crescer até 100%



O presidente Jair Bolsonaro foi bastante criticado durante sua visita aos Estados Unidos há poucas semanas, quando assinou acordos dispensando a necessidade de visto para turistas dos Estados Unidos, Canadá, Austrália e Japão dispostos a visitarem o Brasil.

Mas a medida, que a princípio pareceu polêmica, pode trazer alguns milhões ou bilhões a mais para a economia do Brasil. Segundo o Ministério do Turismo, a iniciativa já  rendeu aumento real da demanda de passagens para o país. Segundo o ministro Marcelo Álvaro Antônio, o fluxo de pesquisa nesses países tendo o Brasil como destino apresentou aumento, o mesmo ocorrendo com as reservas efetivamente confirmadas. Em alguns casos, como os de visitantes do Canadá, houve crescimento de mais de 100% no fluxo, conforme dados oficiais. Editado em março, o decreto entrará em vigor em 17 de junho. O número de americanos dispostos a visitar o Brasil entre junho e agosto cresceu mais de 50% em relação ao mesmo período do ano passado.

Os números são realmente impressionantes. Segundo o ministro do Turismo, no caso dos turistas dos Estados Unidos, a elevação chega a 53% das viagens confirmadas para junho e 97% para julho, se levados em conta os números do ano passado. Para agosto, a alta foi de 33%.  Sobre os canadenses, a taxa foi considerada por ele como “impressionante”, com alta de 86% nas reservas programadas para junho, 54 % para julho e de 135% para agosto. “Certamente, vai impactar em toda a cadeia produtiva do Brasil. Que seja em restaurantes, hotéis, na contratação. Entregando para a nossa população o que tem de mais precioso, que é emprego e renda”, projeta Marcelo Álvaro Antônio.

A mudança positiva de interesse foi sentida desde quando os vistos para esses quatro países passaram a ser concedidos de forma virtual, no começo de 2018, impactando positivamente o fluxo de visitantes, contabiliza o ministro. “Em apenas um ano de funcionamento do e-Visa, houve aumento de 15,7% na entrada desses viajantes no território nacional, o que resultou em uma injeção de R$ 450 milhões na economia brasileira”, informou o ministro.

Informe seu Email para receber notícias :