linkaki

Rosa Weber manda recurso de Lula para o STF. Decisão agrada defesa do petista



Apesar de negar pedido um pedido da defesa do ex-presidente Lula para adiar prazo de substituição do presidiário na chapa petista, marcado para o dia 11, a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, agradou a defesa do petista em outro aspecto.

A ministra optou por encaminhar ao Supremo o recurso extraordinário apresentado pela defesa do petista contra a decisão do TSE que negou o se registro como candidato, informou o Estadão.

“O simples enunciar das teses debatidas pelo colegiado evidencia relevante questão constitucional a recomendar juízo positivo de admissibilidade ao recurso extraordinário, com a consequente submissão do feito à análise da Suprema Corte brasileira”, escreveu a presidente do TSE.

Agora, os advogados do ex-presidente vão apresentar dois pedidos de liminares ao ministro do Supremo Celso de Mello, um para aceitar o registro da candidatura em caráter provisório, suspendendo a decisão do TSE, e outro para que ele pelo menos interrompa o prazo de substituição da chapa até que o plenário do STF se pronuncie.

A defesa de Lula, que tem insistido para que o STF dê a palavra final sobre a candidatura, considerou a decisão de Rosa positiva, porque ela reconheceu que há questões constitucionais envolvidas no caso, conforme vinha sendo alegado.

As informações são do Estadão

Informe seu Email para receber notícias :