linkaki

Dirceu volta para cadeia e vai se juntar ao velho companheiro Lula. TRF-4 nega recurso ao petista e determina prisão do condenado



O mensaleiro José Dirceu, condenado no esquema do PT no petrolão a mais de 30 anos de prisão, teve um recurso negado nesta quinta-feira, 19, no TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região). Os desembargadores mantiveram a condenação do petista por unanimidade e também determinaram a execução provisória da pena com o esgotamento do processo na segunda instância. A corte julgou nesta tarde os embargos infringentes interpostos pela defesa de Dirceu.


Assim como o ex-presidente Lula, a partir da publicação do acórdão do julgamento, a defesa do ex-ministro terá 12 dias para apresentar novos embargos de declaração. Este tipo de recurso não pode reverter a condenação —pede apenas o esclarecimento de partes do acórdão. A tendência agora é a de que o juiz federal Sérgio Moro aguarde apenas a publicação do acordão para mandar prender Dirceu, independente do prazo para análise dos eventuais embargos de declaração apresentados pela defesa do petista.

As opções de Dirceu são exatamente as mesmas de Lula, pouco antes do petista se entregar à Polícia Federal: tentar um improvável habeas corpus preventivo no STJ ou STF, fugir do país ou aguardar em casa a visita cordial dos agentes da Polícia Federal. 

Informe seu Email para receber notícias :