linkaki

Da prisão, Lula ataca Sérgio Moro por ignorar manobra de Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes



O ex-presidente Lula continua tentando interferir nos processos judiciais que pesam contra ele.  Mesmo da cadeia, o petista tenta desmoralizar o juiz Sérgio Moro, acusando o magistrado de desrespeitar o Supremo Tribunal Federal.

Em carta escrita da prisão, Lula diz que ficou “Perplexo ao saber que o Moro e o Ministério Público não vão cumprir a determinação do STF”. A provocação foi inserida em uma carta escrita pelo condenado à presidente do PT, Gleisi Hoffmann. Tentando insinuar que os ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes simbolizam o STF como um todo, Lula diz que está indignado com a decisão do juiz Sergio Moro de manter sob sua jurisdição ações penais que têm o ex-presidente como alvo. “Que país é esse em que uma instância inferior desacata a superior, em que um juiz de primeira instância desacata os ministros da suprema corte?”

Segundo a Folha, a mensagem de Lula chegou às mãos de Gleisi um dia depois de Moro informar que preferia aguardar a publicação de acórdão do STF para só então deliberar sobre a eventual remessa de processos contra Lula para a Justiça Federal em São Paulo.

Informe seu Email para receber notícias :