linkaki

Aliados de Lula preocupados com a possibilidade do petista entrar depressão na prisão -



Não é nenhum segredo que a colunista Monica Bergamo, da Folha, possui abertura com setores do PT e mantém contatos quase diários com os interlocutores do ex-presidente Lula. É dela que surge a informação de que "Os amigos e assessores mais próximos de Lula estão preocupados com a possibilidade de ele entrar em depressão na cadeia".

Segundo a jornalista, os amigos de Lula "afirmam que o ex-presidente costumava falar sem parar, da hora em que acordava até quando ia dormir, sempre cercado de gente. E isso desde criança, já que foi criado com seis irmãos".

Com base neste receio, a possível depressão de Lula, os advogados do petista tentam amenizar a solidão de Lula na prisão com visitas frequentes.  "Os advogados do ex-presidente Cristiano Zanin e Sigmaringa Seixas puderam ficar com ele por algumas horas na noite em que o petista chegou à prisão. Depois de esvaziar a mala e colocar as coisas dele no armário, ajudaram Lula a fazer a cama.

A jornalista narra fatos da intimidade do petista e detalhes exclusivos sobre os preparativos para a ida do petista para Curitiba e diz que "Na hora de fazer a mala, familiares do ex-presidente questionavam se poderiam colocar chocolates na bagagem. E lixas de unha, que Lula usa diariamente. Na pressa, eles esqueceram de colocar o aparelho de apneia que Lula usa quando dorme".

Informe seu Email para receber notícias :