linkaki

Lula não teria coragem de sair de casa, não fosse a proteção de centenas de policiais e capangas. Ameaçar dar porrada no povo assim é fácil



O ex-presidente Lula anda se gabando muito, desde que conseguiu um passe livre do STF para desfilar na cara do juiz Sérgio Moro sem correr o risco de ser preso por seus crimes de lavagem de dinheiro e corrupção apontados pelo magistrado ao condenar o petista no caso do triplex do Guarujá.

Durante ato em Santa Catarina, o petista chegou a falar que a partir de agora, ele e seus subordinados vão reagir na base da porrada a insultos e protestos de manifestantes contrários à sua figura de criminoso condenado que ostenta um vale impunidade oficial.

O problema é que Lula conta com a cobertura de centenas de policias pagos pelo contribuinte para lhe garantir proteção durante sua comitiva pelo Sul do país. O petista tem a sua disposição Policias Federais e Militares, além de dezenas de capangas contratados pelo PT para evitar que o povo chegue perto dele. Logo no início da comitiva do petista, a presidente nacional do partido solicitou reforço na segurança e acionou os ministros da Defesa, da Segurança Pública e da Justiça, exigindo mais policiais.

Durante ato em Chapecó, Lula estimulou uma forte reação por parte da militância quanto aos ataques que vem sendo alvo desde que começou a circular pela região sul. "A gente vai dar é porrada se não respeitarem a gente. Não queremos briga, mas nós não fugiremos dela. Aprendam, fascistas, a fazer democracia, aprendam a convivência democrática e a diversidade, porque senão o ódio vai prevalecer."

O tenente-coronel Ricardo Alves da Silva disse ao O Globo que os manifestantes se atacaram com ovos, pedras e rojões. Para dispersão os manifestantes a polícia disparou balas de borracha e bombas de efeito moral.

Mesmo contando com um fortíssimo esquema de segurança, Lula não consegue se livrar dos gritos de ladrão ou ignorar faixas de repúdio, bonecos do pixuleco e outros símbolos de repúdio normalmente ostentados por onde quer que vá. Não fosse a segurança garantida pelas autoridades, Lula não teria coragem nem de sair de casa. O sujeito é um dos mais rejeitados pela população do país. 

Informe seu Email para receber notícias :