linkaki

Lula está na merda. Apesar de toda marra, petista não passa de um bandido encalacrado



Apesar da arrogância e prepotência peculiar exibida nos últimos dias, mesmo sendo alvo de uma chuva de ovos podres atirados por populares, o ex-presidente Lula está na merda. Para um ex-presidente da República, a situação do petista mais se assemelha à de um bandidinho com extensa ficha policial. Condenado a mais de 12 anos de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, Lula implora por misericórdia nos bastidores, possivelmente, como qualquer criminoso, deve estar tentando chantagear ministros do STF que teriam rabo preso e conta com a cobertura cada vez mais ridícula dos jornalistas e artistas de aluguel que ainda ousam defendê-lo.

Ver a mão de um bandido defendendo o filho é algo relativamente tolerável. Mas ver políticos, ministros da mais alta corte do país, artistas e gente que se diz intelectual defendendo um criminoso condenado apontado como chefe da organização criminosa responsável por desvios bilionários dos cofres públicos é algo repugnante.

Mesmo que consiga se safar com a ajuda dos cínicos do STF, Lula está literalmente na merda. Além das outras seis ações penais em que figura como réu, apontado como protagonista em centenas de episódios envolvendo crimes como lavagem de dinheiro, corrupção e organização criminosa, Lula é um sujeito que não pode sair nas ruas como qualquer cidadão. Onde quer que pise, é chamado de ladrão e lembrado que seu lugar é na cadeia. Além dos ovos que lhe são atirados, é claro.

Apesar de suas pretensões, Lula não poderá concorrer nas eleições presidenciais de 2018. Seja por ter se tornado Ficha Suja pela Lei da Ficha Limpa, seja pela inviabilidade de realizar campanhas eleitorais pelo país. Não há como mobilizar toda a força policial presente nas cidades para garantir que o petista fale para meia dúzia de militantes do MST sem correr o risco de ser bombardeado por chuvas de ovos.

Neste momento, o ambiente mais seguro para o petista é dentro de uma cela de presídio.

Informe seu Email para receber notícias :