Monica Moura cospe o chiclete e detona Lula: Caixa 2 cobriu R$ 10 milhões da campanha do petista



Além da confirmação do publicitário João Santana sobre tratar diretamente com o ex-presidente Lula sobre recebimento de recursos no exterior, a também publicitária Mônica Moura, mulher do marqueteiro  também comprometeu o petista em seu depoimento ao juiz Sergio Moro. A publicitária confirmou que mais da metade do valor cobrado pelo casal para a campanha de reeleição do ex-presidente Lula em 2006 foi pago por meio de caixa 2.

O casal de publicitários prestou depoimento nesta segunda-feira em Curitiba já na condição de testemunhas de acusação contra o ex-presidente Lula no processo do sítio em Atibaia. Mônica disse ao juiz Sérgio Moro os serviços do casal foram orçados em cerca de R$ 18 milhões, e apenas R$ 8 milhões foram pagos pelo caixa oficial. Segundo ela, a decisão de como fazer os pagamentos por caixa 2 foi do PT e que João Santana chegou a conversar com o ex-ministro Antonio Palocci sobre os riscos, já que a imagem do ex-presidente estava abalada pelo mensalão.

— A decisão era absolutamente deles (PT), de receber por caixa 2. Para mim, (pagamento oficial) era menos risco, mais tranquilo, não tinha que carregar mala de dinheiro para lugar nenhum — afirmou Mônica, que depôs na ação em que o ex-presidente Lula é acusado por ter recebido vantagens indevidas da Odebrecht com reformas no sítio de Atibaia (SP).

Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) referentes à prestação de contas da campanha de Lula em 2006 mostram que a Pólis Propaganda e Marketing Ltda, empresa do casal de marqueteiros, recebeu um valor inferior ao declarado por Monica Moura por serviços como "produção de programas de rádio, televisão ou vídeo", "publicidade por materiais impressos", "criação e inclusão de páginas na internet", "publicidade por placas, estandartes e faixas" e "produção de jingles, vinhetas e slogans".

Monica Moura ainda tem muito a revelar sobre as negociações de outras campanhas que ficou encarregada, como as da ex-presidente Dilma Rousseff. Mas ao que tudo indica, a Lava Jato ainda não chegou nesta parte. 
-

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget