linkaki

Lula interrogado na PF em São Paulo sobre repasses de propina da Odebrecht ao seu irmão Frei Chico



O ex-presidente Lula foi interrogado na sede da Polícia Federal em São Paulo nesta segunda-feira (26) em um inquérito que investiga o pagamento de uma mesada da Odebrecht ao seu irmão Frei Chico. Ainda abalado com o indiciamento de seu ex-ministro Jaques Wagner, Lula compareceu para prestar depoimento cercado de segredos, mas o G1 apurou que o depoimento durou cerca de duas horas e que o ex-presidente  negou envolvimento dele ou do irmão no recebimento de mesada da empresa.

O inquérito tem como base os depoimentos dos delatores Hilberto Mascarenhas e Alexandrino de Alencar, que revelaram o pagamento da Odebrecht de uma espécie de mesada a Frei Chico durante cerca 13 anos. Segundo os delatores,os pagamentos eram do conhecimento de Lula, que sabia que  os repasses ocorriam como forma de uma troca de favores entre agentes públicos e empresários. Na época em que o caso veio à tona, o Instituto Lula não quis comentar Os pagamentos a Frei Chico
De acordo com o delator Alexandrino Alencar, a mesada começou a ser paga a Frei Chico após Lula assumir a Presidência da República, em 2003. Segundo um dos delatores,  Frei Chico tinha o codinome "Metralha" e que a entrega do dinheiro era feita pessoalmente.


Informe seu Email para receber notícias :