Lula e aliados desmentidos. Marcelo Odebrecht entregou à Lava Jato a nota fiscal de pagamento a filme do petista



O empreiteiro Marcelo Odebrecht acaba de provar que os petistas estavam mentindo quando diziam que não havia dinheiro de empreiteiras no financiamento do filme ‘Lula, o filho do Brasil’, uma obra produzida para exaltar a figura do maior ladrão do país.

Segundo o Estadão, Marcelo Odebrecht entregou  à Operação Lava Jato uma nota fiscal que comprova o repasse no valor de R$ 250 mil e um comprovante de pagamento aos produtores do filme sobre o ex-presidente Lula, que custou cerca de R$ 12 milhões. O financiamento do longa é alvo de investigação da Polícia Federal.

Esta é uma das primeiras provas que Marcelo Odebrecht entrega à Lava Jato, desde que passou a cumprir prisão domiciliar em São Paulo. O empresário ainda é um delator da Lava Jato e se comprometeu a entregar as provas quando foi ouvido pela PF em dezembro do ano passado quando ainda estava custodiado.

O Estadão informa que "Na ocasião, o empreiteiro ‘se disponibilizou a auxiliar a investigação e a buscar, por meio da sua defesa, junto à Odebrecht S.A., empresa leniente, cópias de registros sobre eventual apoio financeiro dado à produção do filme ‘Lula, o filho do Brasil’.

“O colaborador (Marcelo Odebrecht) também está comprometido a identificar, no âmbito da pesquisa que fará nos registros constantes do seu computador, todos aqueles documentos e informações que possam ser úteis à elucidação deste e de outros fatos investigados”, afirmou a defesa.

"Muitos petistas não se importam em ter assistido um filme financiado com dinheiro roubado do povo. A maioria inclusive assistiu o filme por meio de cópias piratas adquiridas no camelô", afirmou um homem que se dizia dirigente do partido, por meio de uma Rede Social. 
-

Postar um comentário

[facebook]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget