linkaki

Vai sobrar para o Jean Wyllys. Lula tem pena ampliada de 9 anos e 6 meses para 12 anos e 1 mês em ação do triplex



O ex-presidente Lula está feito com seus aliados. Logo que foi condenado na primeira instância, o deputado Jean Wyllys (do PSOL) atacou juiz Sérgio Moro e afirmou que a condenação de Lula a 9 anos de prisão foi uma referência maldosa ao fato do petista ter nove dedos.

Usuários maldosos na internet não perdoam qualquer deslize e afirmam que o desembargador Pedro Gebran Neto, do Tribunal Federal da 4ª Região (TRF-4) se sentiu incomodado com esta comparação. Com base nos estudos de dosimetria da pena, nada a ver com pinga, diga-se de passagem, o magistrado resolveu aumentar a pena imposta ao ex-presidente para prisão para 12 anos e 1 mês de reclusão.

O relator do caso justificou a elevação da pena, afirmando que  o ex-presidente foi um dos "principais articuladores, senão o principal", do esquema de corrupção na Petrobras. Os colegas do magistrado acompanharam seu voto.

Mas como nada passa despercebido na internet, os maldosos de plantão já somaram os algarismos que compõem a pena. 12+1 é  igual a 13, o número do PT.

Acompanhe no vídeo abaixo a crítica de Jean Wyllys sobre a dosimetria adotada por Moro ao condenar Lula na primeira instância no ano passado:


Informe seu Email para receber notícias :