linkaki

O pessoal 'cabeça' que defendeu organização criminosa se esconde agora



É cada vez menor o número de ativistas e militantes da esquerda dispostos a fazer o papel de 'idiotas úteis' para sair em defesa do ex-presidente Lula e de seus aliados de forma inescrupulosa. A revelação dos crimes vergonhosos e a confirmação da condenação do petista pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro pelo TRF-4 em janeiro contribuíram para aumentar ainda mais a antipatia da população ex-presidente, pelo PT e por tudo que eles representam na história recente do país.

O número de trouxas vem caindo, desde a expulsão de Dilma do governo, após deixar o país mergulhado na pior recessão de sua história, 14 milhões de desempregados e um rombo de R$ 170 bilhões nas contas públicas. Agora que o pessoal 'cabeça' começa a se dar conta de que a esquerda não voltará ao poder tão cedo, que Lula vai ser preso e que o PT não terá vida longa, todos começam a recuar e fingir que não foram responsáveis pela maior tragédia na vida republicana do país nas últimas décadas.

A maioria daqueles que defenderam a organização criminosa que comandou o país por quase uma década e meia começa a se dar conta de que a batalha ideológica foi perdida começa a recuar. Constataram tardiamente que seus criminosos de estimação como Dirceu, Vaccari, Joesley Batista e Lula não prevaleceram sobre a vontade e determinação de um povo.

Milhares de idiotas úteis se prestaram ao papel de dar cobertura a criminosos responsáveis por desvios superiores a R$ 500 bilhões de reais dos cofres públicos em favor de corruptos contumazes e em detrimento do povo.

Com base nas escolhas que um sujeito adulto faz ao longo de sua vida, dizem que não existe ex-criminoso. Embora pairem dúvidas sobre a índole daqueles que ousaram manifestar seu apoio aos bandidos do PT, o fato é que nunca é tarde para se arrepender. Até mesmo um certo candidato que se diz de direita já defendeu Lula e os comunistas. Tem gente de miolo mole que muda de convicção como troca de roupa. De todo modo, é sempre importante que cada brasileiro reconheça sua parcela de responsabilidade pelo que ocorreu no país na última década e meia. Mesmo aqueles que estão comemorando a prisão de Lula agora. 

Informe seu Email para receber notícias :