linkaki

Projeto que dá nome de Dona Marisa a viaduto em São Paulo é sancionado na ausência de Doria



O projeto que pretendia batizar um viaduto no bairro de Santo Amaro, zona sul da capital paulista com o nome da ex-primeira dama Marisa Letícia, foi sancionado pelo O prefeito em exercício de São Paulo, Milton Leite (DEM), nesta sexta-feira, 29.

O prefeito em exercício se aproveitou do fato do prefeito João Doria (PSDB) e seu vice Bruno Covas (PSDB) estarem em viagem para sancionar o projeto, de autoria do vereador Reis (PT) e assinado pela bancada do PT, foi aprovado pela Câmara de Vereadores, após muita resistência. 

Falecida em fevereiro, a ex-primeira dama passou os oito anos de mandato de seu marido, o ex-presidente Lula, sem exercer nenhuma ação social no país. Praticamente uma anônima do grande público, Maria Letícia se notabilizou ao ser flagrada em uma conversa com o filho, na qual recomendava que os manifestantes dessem outro destino às panelas que usavam em protestos contra o governo do PT de Dilma às vésperas do impeachment.

Marisa voltou a ocupar as manchetes dos jornais no mês de outubro, quando foram divulgadas informações parciais sobre seu inventário. A ex-dona de casa e vendedora esporádica de produtos da Avon tinha em suas contas cerca de R$ 12 milhões. O ex-presidente Lula aparece como maior beneficiário da bolada.

Informe seu Email para receber notícias :