linkaki

Lula corrompeu todo o sistema político, admite Fernando Henrique Cardoso



Durante entrevista à revista ISTOÉ neste fim de semana, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso parece ter recuado em seus elogios ao ex-presidente Lula e acabou reconhecendo a responsabilidade do petista no quadro de degeneração da classe política ao longo da última década e meia.

Ao ser confrontado com a afirmação de que "Lula é nocivo para a democracia brasileira" FHC reconheceu que "o que aconteceu agora no Brasil foi muito mais grave. O Lula, como líder do PT, presidente da República, foi responsável pelo aconteceu. O mensalão e o petrolão inauguraram uma fase nova no Brasil. Tomar dinheiro público, passar pelo setor privado conivente com isso, e depois passar para o partido para sustentar o poder. Não foi desvio de conduta pessoal. Foi institucional. Corrompeu todo o sistema político" admitiu.

O tucano também parece ter mudado de opinião em relação ao atual presidente da República, Michel Temer, a quem chegou a recomendar a renúncia.

ISTOÉ  - Como é que pode um governo resolver os problemas econômicos do País e sair tão mal avaliado como o governo Temer?

FHC - Eu acho que o presidente Temer fez mais do que eu imaginava que pudesse fazer. Por que? Ele virou presidente numa condição muito especial. É difícil você ter o impeachment e quem sucede ter popularidade. Ele fez o que o eu acho que tinha que fazer: olhar para a história e não para a popularidade, reconheceu FHC em mais um recuo clássico de suas opiniões que mudam ao sabor dos ventos.

Informe seu Email para receber notícias :