\imprensa Viva
.

Sócio de Luciano Huck foi delatado em esquema de lavagem de dinheiro com Aécio e a Odebrecht, mas nega acordo de delação



Há poucos dias, a Folha noticiou que o empresário Alexandre Accioly, sócio do apresentador Luciano Huck e amigo do senador Aécio Neves (PSDB-MG), teria iniciado tratativas com procuradores da força-tarefa da Lava Jato visando um acordo de delação premiada.

O sócio de Luciano Huck foi delatado pelo ex-executivo da Odebrecht, Henrique Valladares, que afirmou que a empreiteira teria feito pagamento de propina a Aécio por meio de uma conta de Alexandre Accioly, em Cingapura, no Sudeste Asiático.

"Então, [um dia] o Dimas [Toledo, ex-diretor de Furnas e homem de confiança de Aécio] me traz um papelzinho com o nome do Accioly. Eu sabia que era amigo do governador [Aécio]. Eu me recordo que é em Cingapura a conta", disse Valladares.

A suposta propina, segundo o delator, fazia parte de um acordo para compra de apoio do PSDB ao consórcio que a Odebrecht liderava no leilão para a construção das usinas hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau, em Rondônia.

Segundo a Folha, as negociações do sócio de Luciano Huck estariam no início e envolviam esclarecimentos sobre o suposto esquema de corrupção e lavagem de dinheiro entre a Odebrecht, o empresário e Aécio Neves.


Segundo fontes ouvidas pela Folha, Accioly contratou um advogado exclusivamente para negociar a delação, já que Renato de Moraes, seu atual defensor, não atua em acordos de delação premiada.
 Accioly negou as informações.

Apontado como laranja de A´ceio Neves, Accioly é parceiro de Luciano Huck de longa dada. Os dois se aliaram ainda no ano de 2003, quando faziam parte de um grupo de “jovens empresários brasileiros” que estavam investindo, principalmente, na indústria de entretenimento.

Em 2004, fizeram juntos a casa noturna “Oi Noites Cariocas”, que tinha patrocínio da operadora OI. Huck e Accioly são sócios em diversos empreendimentos. No Rio de Janeiro, tinham negócios nas rádios Jovem Pan e Paradiso.

Em 2011, montaram a rede de academias Bodytech, presente nos maiores shoppings. Os outros parceiros são João Paulo Diniz, Luiz Urquiza e o técnico Bernardinho (que deve sair para governador do RJ).

A rede de academias Fórmula faz parte da Bodytech Company, o maior grupo no setor de fitness da América Latina em faturamento, segundo o seu próprio site.

Os seus sócios são Alexandre Accioly, Luciano Huck, João Paulo Diniz, Bernardinho e Luiz Urquiza. Todos milionários, com a exceção de Bernardinho. Segundo o site O Antagonista, o grupo recorreu ao caixa do BNDES, a juros subsidiados pelo contribuinte, para adquirir um elevador de três andares para deficientes numa unidade da academia Fórmula no Itaim Bibi, em São Paulo.

Com informações da Folha, O Antagonista e do DCM

_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget