\imprensa Viva
.

Dilma diz que perdoa golpistas que bateram panela e afirma que ela, Lula e o PT são coisas de preto



Durante mais uma viagem internacional bancada pelo contribuinte brasileiro, a ex-presidente Dilma Rousseff afirmou, em entrevista na Alemanha nesta segunda-feira (13), que pretende perdoar 'golpistas' que bateram panelas em protesto contra ela durante o impeachment:  "perdoar golpista é perdoar aquela pessoa que bateu panela achando que estava salvando o Brasil. Uma hora nós vamos ter que nos reencontrar. Você tem uma porção de pessoas que foram às ruas e que estavam completamente equivocadas. Mas você não vai chegar para elas e falar 'nós vamos te perseguir'. Precisamos criar um clima de reencontro, entende?". Para quem pretende se reencontrar com as pessoas, referir-se a elas como golpistas é um ótimo começo.

A petista aproveitou para explorar o episódio envolvendo o jornalista William Waack, afastado da Rede Globo após ser flagrado em gravação em atitude que pode ser vista como injúria racial, quando se sentiu incomodado com o barulho de uma buzina e disse que aquilo era "coisa de preto."

"Sabe o que eu acho que é o novo? Esse foi um pensamento que tive depois do caso do William Waack. Você sabe o que é coisa de preto? O PT é coisa de preto. O Lula é coisa de preto. Nós somos coisa de preto. Eu sou uma coisa de preto.", afirmou a petista, numa declaração que pode significar injúria racial, ao colocar os negros no mesmo balaio de criminosos condenados.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget