\imprensa Viva
.

Após expulsar o PT do poder e derrubar duas denúncias de Janoesley, Temer vai pedir música no Fantástico.



Apesar da campanha sórdida da Globo contra o governo federal, o presidente Michel Temer tem todo o direito de pedir música no Fantástico. Implacável, Temer impôs uma vergonhosa sequência de três derrotas à esquerda bolivariana e corrupta que vem tentando destruir a economia do país de qualquer jeito.

Em pouco mais de um ano, Temer expulsou Dilma e a máquina de roubar do PT da administração pública, em agosto de 2016, derrubou a primeira do ex-blindador-geral do PT, Rodrigo Janot, em agosto de 2017 na Câmara dos Deputados e a segunda flechada no dia 25 de outubro. Temer tem literalmente passando por cima da máquina de corrupção aparelhada pelo PT nas instituições.

As vitórias de Temer, para muitos, improváveis, vão além da humilhação imposta à esquerda corrupta. Além de expulsar o PT da vida dos brasileiros, Temer humilhou a Rede Globo e os jornalistas de aluguel que se bandearam para o lado vermelho. Colocou os açougueiros criminosos da JBS atrás das grades, desmascarou Janot, quebrou as peras dos movimentos sociais e sindicais controlados pelo PT, fez os artistas órfãos da Lei Rouanet voltarem a trabalhar para ganhar seus sustentos, acabou com a mamata dos jornalistas de aluguel nas verbas da SECOM e trancou os cofres do BNDES para as empresas amigas de Lula.

Bolsonaro e Doria podem até tentar posar de algozes do PT, mas o maior carrasco do partido de todos os tempos se chama Michel Temer. Com os cortes promovidos por Temer na máquina que irrigava os cofres do partido, o PT perdeu 85% de sua influência no território nacional nas últimas eleições e elegeu apenas um prefeito de capital, em Rio Branco, no Acre. O partido saiu de 78 prefeituras em São Paulo para apenas sete. O PT minguou, perdeu 89% das receitas que arrecadava de gente em cargos comissionados na administração federal e nos municípios. Além de deixar Lula praticamente sem palanque no Brasil, o PT ficou deixou de governar 96 milhões de eleitores nos municípios que perdeu as eleições em 2016. Não é por acaso que Temer é tão odiado por essa gente. Não é por acaso que os bolivarianos do Judiciário se aliaram aos bandidos da JBS, os artistas da Globo e aos jornalistas de aluguel para derrubá-lo.

De fato, a tentativa da imprensa de destruir a imagem de Temer tem o único propósito de preservar a imagem do ex-presidente Lula. Enquanto os jornalistas canalhas tratam Temer como chefe de organização criminosa, tratam Lula como candidato à Presidência, um criminoso condenado, atuante em mais de 478 eventos de lavagem de dinheiro, segundo o Ministério Público Federal, réu em seis ações penais, investigado em outros oito processos e apontado por desvios superiores a R$ 50 bilhões dos cofres públicos.

O problema é que o Brasil não engoliu esta estratégia da esquerda, dos meios de comunicação e dos institutos de pesquisa saudosos das regalias da era PT. Lula tem sido tratado como um cachorro leproso por onde passa com sua caravana, enquanto o povo começa a se dar conta que Temer pode sim se tornar o melhor presidente do país em décadas. Além de ser o maior carrasco do PT, Temer ainda está conseguindo consertar a desgraça que Dilma e Lula deixaram o país. O presidente transitório eleito pelos petistas merece ou não merece música no Fantástico?
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget