\imprensa Viva
.

Cinismo de Wesley Batista diante do juiz supera o de Joesley Batista bêbado na gravação com Ricardo Saud



Como se pode ver no vídeo ao final da matéria, Wesley Batista um dos sócios do grupo JBS preso semana passada, é tão cínico quanto seu irmão criminoso Joesley Batista. Os dois participaram das operações especulativas no mercado financeiro para lucrar milhões com o vazamento de informações privilegiadas do próprio acordo de delação premiada. A Polícia Federal identificou umasérie de mensagens de WhatsApp que estavam no celular de Wesley Batista, que indicam que partiram dele mesmo as ordens para compra de dólares no mercado futuro durante o caos que se instalou no mercado com o vazamento no dia 17 de maio.

As conversas pelo aplicativo compõem as provas apresentadas para sustentar que o presidente da JBS, valendo-se de informação privilegiada, lucrou indevidamente nos mercados de câmbio e de ações. O celular do empresário foi apreendido na Operação Lama Asfáltica, deflagrada em maio. A pedido da PF, Wesley está preso desde quarta-feira.

As mensagens indicam que Wesley seguiu monitorando pessoalmente o ritmo de compra de contratos de dólar. No dia 5 de maio, ele enviou nova mensagem a Harada: "Como é que ficou Goldman, como é que ficou Morgan Stanley?". No dia 9 de maio, o presidente da JBS e Harada trocam "diversas mensagens" e Wesley determina a compra de mais contratos, diz a PF. "Faz mais os 50mm (milhões) do Itaú e os 140 do Bradesco ainda hoje", ordenou Wesley, após ser informado sobre os limites dados pelos bancos.

No dia seguinte, a JBS intensificou as compras de dólar no mercado. A PF aponta que se tratava da véspera da homologação do acordo pelo STF, que veio dia 11 de maio. Em 17 de maio, a JBS fez mais compras de contratos de dólar. O dia terminou com o jornal O Globo noticiando a delação dos Batistas.

Segundo a PF, como consequência das ordens de Wesley, a JBS elevou sua posição comprada em dólar (apostando na alta) de US$ 77 milhões em 2 de maio para US$ 2,814 bilhões em 18 de maio. Todos os limites oferecidos pelos bancos foram usados, indica a investigação.

Em depoimento antes de ser preso, Wesley disse que as operações não foram 'atípicas', embora Wesley tenha determinado a compra de dólares num volume 40 vezes maior que a média.

A PF também recuperou e-mail que confirmaria ter vindo de Wesley a ordem para comprar ações da JBS no mercado. A mensagem foi enviada por Felipe Bianchi, do setor de risco da JBS, em 24 de abril, dia em que a empresa iniciou um programa de recompra de ações. "Recebemos a ordem do Wesley para comprar o equivalente a 50 milhões de reais em ações da JBS no mercado", disse.

O conselho de administração da JBS escolheu José Batista Sobrinho, 84 anos, o fundador da Friboi conhecido como Zé Mineiro, como seu novo diretor executivo. Ele vai substituir o filho Wesley Batista no comando do grupo até 2019.

O cinismo com que Wesley tenta convencer o juiz durante seu depoimento comprova a frieza com que os irmãos Batista condiam seus negócios de forma criminosa no Brasil. Os crimes ocorreram justamente após os dois firmarem acordo de colaboração, no qual se comprometeram a não cometer mais delitos.



_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget