\imprensa Viva
.

Marcelo Freixo (PSOL-RJ) defende bandidagem, mas exige dez policiais para segurança pessoal. Pagos pelo contribuinte



O socialista Marcelo Freixo (PSOL-RJ) já se manifestou publicamente sobre projetos para anistiar criminosos. Há poucos meses, o candidato derrotado para prefeitura do Rio disse que não acredita no sistema penitenciário. "Prisão é um lugar muito caro para tornar as pessoas piores", disse, explicando que desde os 21 anos (na época ele tinha 47 anos) vivenciou o cotidiano das cadeias cariocas. "Uma coisa que conheço é cadeia. Aquilo não serve para nada. Aquilo não ajuda em nada. Quanto mais gente lá, pior para quem está do lado de fora".

Apesar de posar de amiguinho dos bandidos em seus discursos para socialistas da classe média alta carioca, o deputado do PSOL aparece no primeiro lugar da lista de deputados estaduais que mais requisitaram agentes de segurança pública para sua segurança pessoal. Fontes da Secretaria de Segurança confirmam que apenas os profissionais mais qualificados estão sendo remanejados para cuidar da segurança pessoal de parlamentares. Além do efetivo de elite, veículos, combustível e armamentos pesados são disponibilizados para essa gente sem nenhum custo. Quem paga é a sofria população da cidade do Rio. Ser a favor do desarmamento da população assim é fácil.

De acordo com a Secretaria de Segurança, a cessão de policiais é uma atribuição única e exclusiva do governador, com anuência da Casa Civil. É o governador que a autoriza, e somente ele pode exigir a devolução dos agentes.

— Isso é um absurdo, uma aberração. Temos uma quantidade enorme de policiais em desvio de função, fora das ruas. Há agentes de segurança cozinhando para deputados e dirigindo para as mulheres dos políticos. É bom ressaltar que se trata de pessoal da segurança pública, não é gente da iniciativa privada. O policial tinha que estar nas ruas, fazendo o trabalho para o qual foi contratado. Deveria servir à população, às pessoas que realmente pagam seus salários — disparou Miguel Cordeiro, presidente da Associação dos Ativos, Inativos e Pensionistas da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros (Assinap)
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget