\imprensa Viva
.

Edson Fachin retira de Sérgio Moro três investigações contra Lula em apenas uma semana



Em apenas uma semana, o relator dos processos da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Edson Fachin, retirou três investigações envolvendo o ex-presidente Lula das mãos do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato na primeiroa instância.

Fachin determinou que  investigação contra o ex-presidente Lula originárias da delação de executivos da Odebrecht sejam retiradas de Moro, em Curitiba, e enviadas à Justiça Federal do Distrito Federal. Uma terceira investigação ficará com a Justiça Federal de São Paulo.

Fachin atendeu aos pedidos da defesa de Lula para retirar das mãos de Sérgio Moro. Os casos que foram remetidos à Justiça Federal do Distrito Federal dizem respeito a acusações feitas por delatores da Odebrecht de envolvimento do petista em irregularidades nas usinas hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau, além de suspeitas de favorecimento aos negócios da Odebrecht em Angola.

Na semana passada, Fachin já havia reconsiderado sua decisão de enviar ao juiz Sergio Moro as citações da delação da Odebrecht referente ao pagamentos de propina ao irmão de Lula, o Frei Chico. O ministro do STF acolheu o pedido da defesa do ex-presidente, Fachin decidiu que o material deve ser encaminhado à Justiça de São Paulo.

Todos os três casos foram revelados por investigações da força-tarefa da Lava Jato, baseada em Curitiba. Normalmente, os processos da ficam a cargo do juiz Sérgio Moro. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget