\imprensa Viva
.

Dilma gagueja ao depor a favor de Lula em crimes de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa



A ex-presidente Dilma Rousseff presta depoimento nesta quinta-feira (22), na Justiça Federal em Brasília como testemunha de defesa do ex-presidente Lula. A petista falou por meio de videoconferência, a partir de Porto Alegre, na ação que investiga irregularidades na compra de caças suecos Gripen. O caso é investigado pela Operação Zelotes. O ex-presidente Lula e o filho dele Luis Cláudio Lula da Silva são investigados nessa ação e já foram denunciados pelo Ministério Público por tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Outros dois acusados nessa ação, os lobistas Mauro Marcodes e Cristina Mautoni, teriam atuado por meio de influência indevida na compra dos aviões. Eles teriam feito lobby para a empresa fabricante dos aviões, a Saab, junto ao governo brasileiro.

Além de Dilma, serão ouvidos Bengt Janér, representante da Saab no Brasil, e Luiz Alberto dos Santos, que trabalhou na Casa Civil entre 2003 e 2014. Este é mais um daqueles momentos em que Dilma começa as frases com o tradicional "veja bem" e acaba sem dizer coisa com coisa, enquanto olha para o relógio, torcendo para que o interrogatório acabe logo.

Dilma simboliza o momento em que o Brasil
embarca em mais uma canoa furada de Lula
Coube a Dilma dar prosseguimento aos negócios que teriam sofrido a influência de Lula nos bastidores. A petista assinou em 2013 o maior contrato de exportação da história da Suécia, os caças Gripen NG foram adquiridos por cerca de 39 bilhões de coroas suecas (que correspondia a R$ 13 bilhões na época). Outros US$ 245 milhões (R$ 950 milhões, em valores atuais) serão gastos em armamentos para equipar as aeronaves militares.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget