\imprensa Viva
.

Baderneiros querem a volta do PT ao poder de qualquer jeito. Já não conseguem mais viver sem o dinheiro do contribuinte



Os mamadores do dinheiro do contribuinte que viviam dependurados na máquina pública durante os governos do PT estão desesperados por não terem conseguido derrubar o governo. Agora com o fim do imposto sindical obrigatório, cerca de 300 mil vermelhos que vivem do dinheiro do trabalhador, ligados a mais de 13 mil sindicatos do país, entraram em desespero.

Após fracassarem na última tentativa de golpe, mesmo com a ajuda da Globo e de setores do judiciário, os vermelhos partiram para o desespero. O fiasco da Greve Geral convocada para esta sexta-feira acabou tirando muita gente do sério. Um grupo de manifestantes partiu para a depredação de pontos de ônibus, lojas e instalações públicas no Rio de Janeiro, quando o protesto se aproximava da Central do Brasil, na avenida Presidente Vargas. Os manifestantes também dispararam fogos de artifício contra a polícia.

Apesar do barulho e da algazarra, a Frente Brasil Popular, braço político do PT que congrega dezenas de movimentos sociais e sindicais, não conseguiu mobilizar nem cinco mil pessoas. Em São Paulo, os manifestantes se dirigiram para a prefeitura da cidade no final da noite, mas nada que meia tropa de choque não resolvesse.

O desespero da esquerda aumentou após a divulgação do levantamento realizado neste mês pela empresa Ipsos, especialista em pesquisa de mercado. A pesquisa aponta que o PT é o partido mais associado à corrupção no âmbito da Operação Lava Jato.

De acordo com o estudo, a legenda foi lembrada por 64% dos entrevistados de forma espontânea. O PMDB foi o segundo mais citado, com 12%, e o PSDB somou 3% das respostas.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget