\imprensa Viva
.

JBS vai vender Havaianas, Vigor e Eldorado Celulose para não quebrar. Vão-se os anéis, ficam os dedos para carimbar a ficha criminal



O empresário Joesley Batista está tendo que abrir mão das joias do Grupo JBS para evitar a falência da empresa. Neste caso específico, vai vender empresas que comprou com dinheiro fácil obtido no BNDES, Caixa Econômica e Fundos de pensão. O grupo J&F contratou o banco Bradesco BBI para vender as empresas Alpargatas, Eldorado e Vigor. Vão-se os anéis, ficam os dez dedos para futura impressão em um formulário ou ficha datiloscópica

O Estado de S. Paulo informou que a expectativa é a de que com esta iniciativa, a companhia possa centrar forças na operação da JBS que deve passar por forte turbulência com os acordos de delação, já fechado, e o de leniência que está em negociação com o Ministério Público Federal (MPF). A situação financeira no grupo tende a ficar apertada, na medida em que os bancos tiverem que renovar as linhas de crédito para a empresa ou até mesmo com o acordo a ser firmado com o MPF.

A oferta original do MPF era um acordo de R$ 11 bilhões a ser pago em dez anos, mas a JBS tenta barganhar o acordo para algo entre R$ 6 bilhões.

Interessados Segundo analistas, a tendência é que a Fíbria seja a primeira interessada na Eldorado, até pela sinergia que uma aquisição como esta traria à empresa e o poder de mercado mundial que a companhia ganharia. Mas a Fíbria vai querer comprar por um preço baixo, segundo fontes. Já a Alpargatas teria o potencial de atrair os concorrentes que foram deixados para trás na disputa em 2015. A J&F pagou R$ 2,7 bilhões pela empresa, com dinheiro emprestado da Caixa. A Vigor teria a empresa PepsiCo interessada. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget