\imprensa Viva
.

Sem rumo nos Estados Unidos, Dilma foge de jornalistas e evita comentar delações chocantes da Odebrecht



A ex-presidente Dilma Rousseff ainda se encontra nos Estados Unidos, enquanto as denúncias sobre seu envolvimento nos esquemas de corrupção na Petrobras e na Odebrecht pipocam na imprensa brasileira e internacional.

Acompanhada de seis assessores e com todas as despesas pagas pelo contribuinte brasileiro, Dilma tem evitado jornalistas e procura se proteger em ambientes blindados por simpatizantes da esquerda nos EUA. A petista explora o descontentamento de segmentos sindicais e políticos daquele país com o controverso presidente americano Donald Trump.

Dilma está há duas semanas nos EUA, mas começa a sentir um frio na barriga com a aproximação de seu retorno ao Brasil. Assim que retornar, petista repetirá sua estratégia de evitar a imprensa e deve limitar ainda mais as suas aparições públicas após ter sido exposta de forma tão negativa pelos executivos da Odebrecht.

Mas o que mais tem deixado a petista chateada é a perspectiva de ter seus inquéritos nas mãos do juiz Sérgio Moro da Lava Jato. O ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, abriu processos contra Dilma com base nas confissões dos executivos da Odebrecht, que confirmaram sua participação em crimes como lavagem de dinheiro, organização criminosa e falsidade ideológica eleitoral. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget