\imprensa Viva
.

Rodrigo Maia afirma que vazamento de seus crimes é uma vergonha que afronta o cidadão. E seus crimes não afrontam?



O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, está indignado com o fato de que parte das delações da Odebrecht e OAS envolvendo seu nome tenha sido vazadas para a imprensa.


 "Com base em toda a prova colhida no decorrer da presente investigação, logrou-se êxito em confirmar integralmente a hipótese inicial aventada, qual seja, a de que o deputado federal Rodrigo Maia efetivamente praticou diversos atos na defesa de interesses da Construtora OAS, durante os anos de 2013 e 2014, tendo, em contrapartida, solicitado doações eleitorais ao presidente da pessoa jurídica, José Aldemário Pinheiro Filho [Léo Pinheiro]", diz trecho do relatório exibido no "Jornal Nacional". Segundo deputado o vazamento atingiu a sua honra e da sua família.

- Nós vamos atrás de quem vazou. Agora, um vazamento faltando 15 minutos para começar um telejornal, é um desrespeito e uma afronta a qualquer cidadão brasileiro.

Apesar de não proporem o indiciamento de Maia, os investigadores apontaram os elementos que acreditam ser suficientes para instauração de processo contra o deputado. Caberá ao procurador-geral Rodrigo Janot analisar o relatório do inquérito e decidir se já há elementos para oferecer denúncia, ou se é necessário pedir que a apuração continue.

A investigação da PF teve origem em mensagens de celular entre Maia e o empreiteiro Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS.

Já no caso da delação dos 78 executivos da empreiteira Odebrecht, a situação de Rodrigo Maia já está devidamente encaminhada. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, já encaminhou ao ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, pedidos de abertura de inquérito contra o presidente da Câmara. Existe ainda a possibilidade de que o nome do pai de Rodrigo Maia, César Maia, esteja entre os pedidos de abertura de inquérito na lista de pessoas sem foro privilegiado, também encaminhada por Janot ao Relator da Lava Jato no Supremo. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget