\imprensa Viva
.

Lula perde mais uma cobertura comprada com propina da Odebrecht. Justiça acata pedido de Moro e sequestra imóvel



Atendendo a um pedido feito pelo juiz federal Sérgio Moro, a Justiça Federal confirmou o sequestrou da cobertura número 121 do Edifício Hill House, em São Bernardo do Campo (SP), usada pelo ex-presidente Lula. O imóvel que fica no mesmo corredor de outra cobertura do petista é avaliada em cerca de RR 2 milhões. Com uma área total de quase 200 metros quadrados, o imóvel foi comprado em nome do laranja Glaucos da Costamarques, primo do pecuarista José Carlos Bumlai, amigo de Lula preso na Lava Jato.

Segundo o Ministério Público Federal o imóvel foi adquirido com dinheiro de propina da empreiteira Odebrecht e era utilizado por Lula com contratos supostamente fictícios de locação, A manobra custou ao petista mais uma "sentada" no banco dos réus em uma ação penal da Operação Lava Jato.

O simples fato de a Justiça Federal ter acolhido o pedido do juiz Sérgio Moro já significa que há provas concretas sobre os crimes de lavagem de dinheiro e recebimento de vantagens ilícitas por parte do ex-presidente Lula.

Desde o início da Operação Lava Jato, o petista já se viu forçado a abandonar vários imóveis que usava ou pretendia adquirir dentro do mesmo esquema de lavagem de dinheiro, em forma dissimulada de recebimento de propina, como o terreno de R$ 12 milhões onde seria erguida a nova sede do Instituto Lula, o triplex no Guarujá e o sítio em Atibaia. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget