\imprensa Viva
.

Lula e Dilma são vergonha mundial. Janot pede abertura de inquéritos criminais contra dois ex-presidentes do Brasil



O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deu uma pequena amostra do que significou os últimos treze anos de governos do PT ao pedir a abertura de inquéritos no Supremo Tribunal Federal contra dois ex-presidentes petistas de uma vez. Lula e Dilma Rousseff figuram entre os envolvidos nos esquemas de corrupção revelados pelos delatores da empreiteira Odebrecht.

Embora o ex-presidente Lula já seja réu em nada menos que cinco ações penais e a ex-presidente Dilma Rousseff também seja ré em um processo no STF, acusada de crime de obstrução de Justiça, o fato dos dois petistas figurarem junto em um mesmo pedido de abertura de novos inquéritos é inédito na história da República. O ineditismo não se restringe ao fato do duplo pedido de inquéritos feito pelo procurador ao STF, mas também envolve o teor das denúncias que pesam contra os dois petistas.

Além de figurar como beneficiário de R$ 23 milhões em propina nas planilhas do setor de operações estruturadas da Odebrecht, é bem provável que o ex-presidente Lula seja acusado de outros crimes revelados nas delações dos executivos da empreiteira. O acordo de delação do grupo ainda não teve o sigilo levantado pelo ministro Edson Fachin, o que deve ocorrer nos próximos dias.

A ex-presidente Dilma Rousseff foi apontada pelo executivo Marcelo Odebrecht como coordenadora do esquema de corrupção que irrigou suas campanhas eleitorais, mas também é bem provável que novos fatos venham a tona no pedido de abertura de inquérito formulado por Rodrigo Janot contra a petista.

Ao acolher os pedidos de inquérito contra Lula e Dilma, o ministro Edson Fachin, relator dos processos da Lava Jato no Supremo, deve encaminhar os casos diretamente para o juiz Sérgio Moro na primeira instância, já que os dois não possuem a prerrogativa de foro privilegiado.

Entre os pedidos de inquéritos enviados por Janot ao STF, figuram pelo menos seis senadores, cinco ministros e dezenas de parlamentares. Na lista do procurador, constam nomes como os de Aécio Neves, José Serra, Renan Calheiros, Eunício Oliveira,  Aloysio Nunes, Gilberto Kassab, Eliseu Padilha, Moreira Franco, Rodrigo Maia, Edison Lobão, Romero Jucá,  Guido Mantega, e Antonio Palocci. Tem gente do PSDB, PMDB, DEM e PT. Mas nada é tão vergonhoso como ter dois ex-chefes de Estado numa lista de corruptos denunciados. A projeção mundial para um fato tão negativo recai sobre o Brasil como um motivo de vergonha mundial patrocinado pelos ex-presidentes Lula e Dilma.

_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget