\imprensa Viva
.

O lado bom de Lula



Lula não tem lado bom.

Como nordestino de origem humilde, Lula é uma vergonha. O petista prometeu mundos e fundos para a região mais carente do país em todos os aspectos. Passou praticamente 13 anos comandando o o Brasil e fez muito pouco pelo nordeste e também pelo norte. Lula só visitou estas regiões quando estava precisando de votos para ele, para Dilma ou para os candidatos do PT. Ou nos momentos em que estava por baixo. Em suas viagens para estas regiões, Lula prometeu que faria obras extraordinárias que gerariam milhares de empregos, mas as obras acabaram abandonadas e apenas o PT, que recebeu propinas, os empreiteiros e políticos aliados e corruptos se deram bem. Por sinal, o PT não elegeu nenhum prefeito em nenhuma capital do nordeste e apenas um no norte, nas últimas eleições municipais.

Como chefe de família, Lula também não pode ser visto como um grande exemplo. A ganância e a sede pelo poder fez com que estivesse ausente no nascimento de todos os seus filhos. O petista também envolveu a própria família em seus negócios ilícitos. Sua falecida esposa, Dona Marisa, era ré em duas ações penais por ter sido envolvida pelo marido em esquemas de lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio. Lula tem ainda dois filhos que apresentaram enriquecimento incompatível com suas habilidades e são investigados por crimes de lavagem de dinheiro e corrupção.

Como amigo, Lula não é uma pessoa confiável. Lula não tem amigos de fato. Ele usa as pessoas e se descarta delas com a maior facilidade. Boa parte dos amigos de Lula está em cana. Gente como José Dirceu, Bunlai, Marcelo Odebrecht, Léo Pinheiro, João Vaccari e Antonio Palocci. Na época do mensalão, quando vários petistas foram presos, Lula afirmou durante entrevista em Portugal que não se tratavam de "pessoas de suas relações".

Como líder de partido, Lula revelou um talento extraordinário para reunir maus elementos. O petista transformou a legenda em uma organização criminosa na qual vários de seus integrantes ilustres foram parar atrás das grades. Sob o comando de Lula, o partido teve o caixa irrigado por propina de origens as mais diversas, desde esquemas de desvios em cooperativas habitacionais como o Bancoop, dinheiro de prefeituras como a de Santo André, de empreiteiras que roubaram a Petrobras e até de velhinhos aposentados, no esquema comandado pelo ex-ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, o marido da senadora Gleisi Hoffmann.

Como presidente, Lula tinha tudo para entrar para a história como um exemplo de superação, mas acabou se tornado o presidente mais corrupto de todos os tempos. O petista levou para Brasília a pior geração de políticos de que se tem notícia, se aliou a outros políticos corruptos, como Fernando Collor, José Sarney, Renan Calheiros, Edson Lobão e outros larápios cheios de processos nas costas. Lula alega ter tirado milhões da pobreza com o programa Bolsa Família, mas o fato é que as pessoas continuam pobres e miseráveis, vendo seus filhos abandonando a escola e ingressando no tráfico de drogas e na criminalidade. A evasão escolar na era PT saltou de 3% para 17% até 2015, enquanto a criminalidade no país cresceu mais de 300% e a população carcerária 85%.

Como líder internacional, Lula viu seu legado virar pó e perdeu completamente o respeito de artistas, chefes de Estado e de entidades internacionais. Hoje se sabe que suas viagens à África tinham o propósito de prospectar obras para a empreiteira Odebrecht em troca de propina e de contratações para palestras de fachada. Tudo facilitado com o dinheiro do contribuinte brasileiro, pois as obras, a maioria para países comandados por ditadores corruptos, eram financiadas com dinheiro do BNDES.

Lula é uma vergonha como ser humano e não possui lado bom nem como réu. Qualquer pessoa inocente que é acusada injustamente por algum crime costuma agir de forma tranquila, ciente de que será perfeitamente capaz de comprovar sua inocência. Sem estardalhaço, sem espetáculo. Lula não, O petista, diante da incapacidade de provar sua inocência, tenta desqualificar e desacreditar juízes, promotores e desembargadores, os mais capazes. Lula tenta passar a impressão de que a Justiça não é justa para ele e que os representantes da Justiça não agem em observâncias às Leis. Qualquer trombadinha tem mais dignidade que Lula.

Na era Lula, os bandidos não mais se contentavam em roubar as pessoas que iam sacar dinheiro nos caixas eletrônicos. Eles passaram a explodir os caixas eletrônicos. Os ladrões de cargas passaram a roubar diretamente nas fábricas e os falsários diversificaram seu leque de produtos, passando do Whisky ao leite, ao remédio e até mesmo insumos agrícolas. A roubalheira durante os governos Lula e Dilma atingiu níveis tão extraordinários que até as empresas passaram a seguir o exemplo dos governos petistas. O consumidor passou a ser cotidianamente roubado pelas operadoras de celular, pelos bancos, pela TV por assinatura, pelos supermercados e até mesmo nos planos de saúde.

Ai aparece a Operação Lava Jato e descobre milhares de crimes cometidos pelo PT sob o comando de Lula. O juiz Sérgio Moro passa a representar a esperança e a fé dos brasileiros de que é possível corrigir esta cultura da corrupção ampliada por Lula e pelo PT ao longo da última década e meia. Lula e seu amigos roubaram bilhões dos cofres públicos e Sérgio Moro recuperou bilhões para os brasileiros. Ai vem o Lula, que está do outro lado, o lado ruim, o lado dos bandidos, atacar a Lava Jato e o juiz Sérgio Moro, que está do lado bom, do lado dos brasileiros. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget