\imprensa Viva
.

Funcionário da Camargo Corrêa detona Lula. “Levei uma mala de dólares para Lula”,



O ex-funcionário da empreiteira Camargo Corrêa, Davincci Lourenço de Almeida, acaba de complicar ainda mais a vida do ex-presidente Lula e do PT perante as autoridades.  Ex-sócio de Fernando de Arruda Botelho, acionista da Camargo Corrêa morto em acidente aéreo há cinco anos, Davincci Lourenço afirmou em entrevita à ISTOÉ que Botelho foi assassinado e que o crime encobriu um esquema de corrupção na empresa. Davincci confirmou que Lula recebeu propina da empreiteira para facilitar contratos com a Petrobras.

Davinnci ficou encarregado pelo transporte de uma mala de dinheiro destinada ao ex-presidente Lula. “Levei uma mala de dólares para Lula”, afirmou a testemunha ligada à empreiteira que reconhece ter servido de ponte para pagamento de propina ao ex-presidente. Esta é a primeira vez que surge uma testemunha que acusa Lula diretamente de ter recebido propina.

“O dinheiro estava dentro de um saco, na mala. Deixei o saco com o dinheiro, mas a mala está comigo até hoje”, disse. Segundo a testemunha, que não sabia quanto tinha na mala, Lula foi ao local buscar a encomenda, acompanhado por um segurança. “Lula ficou de ajudar fechar um contrato com a Petrobras. Um negócio de R$ 100 milhões”

Leia mais em: ISTOÉ
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget