\imprensa Viva
.

Enquanto o Brasil inteiro pede a prisão de Lula, Dilma, peça central da roubalheira do PT, desfila livre, leve e solta



O colunista Ricardo Noblat escreveu esta semana sobre um fato curioso relativo aos ventos da Lava Jato, que tentam remover a sujeira da política brasileira: ainda não há nenhuma denúncia criminal contra ex-presidente  Dilma Rousseff, exceto o processo que corre no Tribunal Superior Eleitoral sobre o uso de dinheiro roubado da Petrobras em suas campanhas.

Até o momento, nenhum sinal de indiciamento da rainha da corrupção petista, apesar de ter sido delatada pelo executivo Marcelo Odebrecht e pelo casal de marqueteiros Mônica Moura e João Santana, que confirmaram que Dilma pressionava o príncipe das empreiteiras por propinas para pagar suas dívidas de campanha.

Na investigação da força-tarefa do Ministério Público, Polícia Federal e TSE, Dilma é apontada como a principal beneficiária de um esquema de lavagem de dinheiro envolvendo gráficas fantasmas e laranjas. Em sua coluna no GLOBO (aqui), Noblat lembra que Dilma foi expulsa do Planalto após ter sido "flagrada numa fração dos crimes que cometeu".


O jornalista lembra que o "fato de Dilma Rousseff continuar à solta, por exemplo, é um milagre. Uma pessoa que esteve no epicentro do maior assalto à República estar flanando por aí, contando história triste para tolos e soltando frases de autoajuda no Twitter, só pode ser uma bênção dos céus".

Enquanto o Brasil inteiro torce pela prisão do ex-presidente Lula, réu em cinco ações penais e acusado de crimes como corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa, Dilma, a sua principal cúmplice em todos os esquemas criminosos dos últimos treze anos, passeia livre, leve e solta, sem ser incomodada por ninguém.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget