\imprensa Viva
.

BOMBA - Lava Jato pede a Sérgio Moro que objetos roubados por Lula sejam devolvidos ao acervo do povo



O ex-presidente Lula está prestes a passar por um dos maiores vexames de sua vida pública. O petista roubou vários objetos de ouro do acervo da da Presidência da República quando deixou o cargo de presidente em 2011 e escondeu tudo em um cofre em nome de sua mulher, Marisa Letícia, morta no último dia 03 de fevereiro, vítima de um AVC.

Esta semana, procuradores da República do Ministério Público Federal solicitaram ao juiz federal Sérgio Moro que autorize a Secretaria de Administração do Planalto a reincorporar os objetos levados pelo petista ao patrimônio da Presidência da República.

A Polícia Federal descobriu o tesouro durante a Operação Aletheia,  quando o ex-presidente para depor de forma coercitiva no dia 4 de março de 2016.

Na ocasião, a Polícia Federal achou moedas, espadas, adagas, canetas, condecorações e outros objetos de valor que estavam armazenados no cofre do BB desde 2011, sem custo, segundo informou o gerente da agência.

Segundo a Procuradoria da República, os objetos estavam escondidos em um cofre em uma agência do Banco do Brasil em São Paulo,  "conforme documentação que havia sido anteriormente apreendida por ocasião do cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência do ex-presidente".

Em ofício de 17 de fevereiro, a força-tarefa da Lava Jato afirmou a Moro que a Secretaria do Planalto apresentou relatório e discriminou quais objetos devem ser incorporados ao patrimônio da Presidência.

O documento solicita ainda "autorização para a tomada das providências necessárias para incorporação dos bens em testilha ao patrimônio da Presidência da República".

O pedido da Procuradoria destaca que os bens estão descritos no "item 61" de um documento da Secretaria de Administração da Presidência. "O Ministério Público Federal requer que seja autorizada a Secretaria de Administração da Presidência da República a adotar as providências necessárias à incorporação, ao patrimônio da Presidência da República, dos bens descritos no item 61 Relatório Final da Comissão Especial", solicitam os procuradores.

Segundo o Tribunal de Contas da União, ex-presidentes podem levar consigo ao final de seus mandatos apenas objetos de uso pessoal, como diplomas, cartas, roupas e remédios. Objetos recebidos em troca de outros presentes a chefes de Estado pertencem ao povo, já que os objetos dados pelo presidente foram adquiridos com dinheiro do povo. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget