\imprensa Viva
.

Polícia Federal deve indiciar Lula, Lulinha, Jonas Suassuna e Fernando Bittar no inquérito do sítio de Atibaia



A Polícia Federal deve indiciar ex-presidente Lula, seu filho Fábio Luis Lula da Silva e  empresários Jonas Suassuna e Fernando Bittar  no inquérito que está prestes a ser concluído sobre a investigação apura se um sítio no município de Atibaia, em São Paulo.

Neste fim de semana, a Polícia Federal solicitou ao Ministério Público Federal que o prazo para o encerramento de um inquérito contra os investigados seja prorrogado. O delegado Márcio Anselmo informou em seu despacho que falta analisar documentos que foram apreendidos na deflagração da 24ª fase da Operação Lava Jato. Há indícios de que a PF aguarda a homologação da delação da Odebrecht. para poder acrescentar outros documentos para corroborar outras provas já anexadas ao inquérito.

A expectativa é a de que a denúncia, quanto mais detalhada e rica em provas, menor será o trabalho do Ministério Público Federal na hora de aceitar o pedido de indiciamento formulado pelo delegado.
O sítio está registrado em nome dos empresários Jonas Suassuna e Fernando Bittar, sócios do filho do ex-presidente, Fábio Luis Lula da Silva. No entanto, os investigadores afirmam que há indícios muito claros de que a propriedade pertenceria ao ex-presidente e de que a escritura apenas oculta o nome do verdadeiro dono.

A defesa de Lula nega que ele seja dono do imóvel, apesar do petista ter usado a propriedade em praticamente todos os finais de semana entre 2010 e 1014. Todos os objetos encontrados no sítio pela Polícia Federal pertencem ao ex-presidente. Com a conclusão do inquérito, o ex-presidente Lula deve se tornar réu pela 6ª vez em uma ação penal na justiça.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget