\imprensa Viva
.

Lula está tão encrencado que de nada adiantaria tirar processos de Sérgio Moro. Qualquer juiz condenaria o petista


O ex-presidente Lula e seus advogados já moveram ações contra praticamente todos os juízes, procuradores e desembargadores responsáveis pelos processos conta o petista. A cada nova denúncia do Ministério Público Federal, MPF, a cada acolhimento de inquéritos em que se torna réu, Lula recorre e tenta encontrar impedimentos ou brechas jurídicas para inviabilizar o andamento dos processos. Todas ações dispendiosas, despropositadas e sem sucesso.

O motivo das derrotas sucessivas de Lula em suas ações contestatórias é bem simples: ao contrário do que tenta alegar, a justiça brasileira age de forma correta e ele é quem está comprometido em praticamente todos os casos em que é investigado.

Os trâmites de processos na Justiça atendem a critérios bastante estreitos e precisos. Desde as investigações criminais realizadas pela Polícia Federal com base em depoimentos, buscas de provas passando pela formulação de denúncias por parte do MPF  até o acolhimento das mesmas por juízes responsáveis pelos casos. Todas as informações são "processadas" e aferidas de forma procedente antes que o investigado se torne réu.

Diante desta realidade, de nada adianta retirar os processos contra Lula das mãos do juiz Sérgio Moro ou do juiz federal Vallisney Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília. Qualquer outro juiz, com base nos autos dos processos, deverá tomar decisões bastante similares tanto quanto a condenação quanto a pena a ser imposta ao ex-presidente. O máximo de vantagem que Lula pode obter movendo os processos de uma Vara para outra seria ganhar um pouco de tempo. Nada mais.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget