\imprensa Viva
.

Lula canta de galo diante de militantes do MST e ameaça se candidatar, mas tem medo de andar nas ruas


O ex-presidente Lula já foi acusado várias vezes de ser um homem frouxo. Segundo interlocutores, os cuidados do petista para escolher os locais em que discursa foram redobrados, desde o início das investigações da Operação Lava Jato. Lula procura se certificar sobre a presença maciça de militantes de movimentos controlados pelo PT e exige a contratação de um número cada vez maior de seguranças truculentos, que são orientados a baixar o cacete em qualquer pessoa que se manifeste contra ele nos locais em que visita.

Lula não usa avião comercial, não circula por locais de grande circulação e costuma entrar pela porta dos fundos em hotéis e locais onde ocorrem eventos. O petista tem verdadeiro pavor de ficar sozinho e sempre que se encontra em situação vulnerável, é alvo de ataques verbais violentos por parte de cidadãos em qualquer lugar no Brasil.

Existem vídeos que ilustram algumas situações, como em um saguão de hotel no nordeste. Lula foi chamado de ladrão por um hóspede e apertou o passo para fugir logo da situação. O petista também foi hostilizado quando foi votar no primeiro turno das eleições municipais em 2016 em sua cidade, São Bernardo do Campo. Para evitar novos constrangimentos, Lula não foi votar no segundo turno, alegando ter mais de 70 anos. O petista também passou por uma situação humilhante em um restaurante de São Paulo. Lula pediu um suco e o garçom respondeu que não servia ladrão. Auxiliares do petista chamaram o gerente do local e exigiram a demissão do funcionário, mas não conseguiram convencer a direção do restaurante.

Em seu primeiro ato público do ano, a situação não foi diferente. Lula participou da coordenação do 29º Encontro Estadual do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), em Salvador, na Bahia. O ato foi exclusivamente programado para servir de palco para que o petista possa vociferar as bobagens que tem dito ao longo dos últimos meses.

Durante o encontro, Lula "ameaçou" se candidatar presidente em 2018, mesmo ciente de que será condenado em algumas das ações penais em que figura como réu antes disso. O petista, caso não esteja preso ou usando uma bela tornozeleira eletrônica, será ficha suja e estará impedido de concorrer a cargos eletivos.

Mesmo assim, Lula continua blefando: "Se preparem, porque, se necessário, eu serei candidato à Presidência. Se eu for candidato, é para a gente ganhar as eleições desse país", disse Lula, a uma plateia que usava bonés vermelhos com a inscrição "Estamos com Lula".

O PT esteve por mais de treze anos no poder. Durante todos estes anos, concederam menos títulos de reforma agrária que o pretendido pelo atual presidente Michel Temer em menos de um ano. Ainda assim, Lula manteve o discurso demagógico usado durante todo este tempo para enganar e usar os Sem Terra como massa de manobra:

O petista afirmou, na maior cara de pau, que o Brasil precisa fazer a reforma agrária.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget