\imprensa Viva
.

Renan desafia STF e afirma que não aceita a decisão do ministro Marco Aurélio Mello


O ainda presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), se recusou a assinar a notificação do oficial de justiça sobre seu afastamento e declarou  em entrevista nesta terça-feira, 06, que não aceita a decisão do ministro Marco Aurélio Mello

Também na tarde desta terça, a Mesa Diretora do Senado,. em ação coordenada por Renan, decidiu que irá aguardar a deliberação do plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) para cumprir a decisão liminar do ministro Marco Aurélio Mello de afastar o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do comando da Casa.

Renan se reuniu com os integrantes da Mesa com Renan para alinhavar a decisão. Senadores que participaram do encontro disseram que o peemedebista acredita que tem respaldo jurídico para não assinar a notificação sobre a decisão de Marco Aurélio Mello, que ordenou o afastamento do senador do PMDB do comando do Senado.

Isso faria parte de uma estratégia do peemedebista para se manter na presidência do Senado até o STF julgar seu recurso contra a decisão de Marco Aurélio, o que está previsto para acontecer nesta quarta-feira (7).

Após decidir afastar Renan Calheiros da presidência do Senado, o ministro Marco Aurélio Mello decidiu submeter a decisão ao plenário do STF. O caso agora deve ser pautado para a sessão do Supremo desta quarta-feira (7), uma vez que a presidente do STF, Cármen Lúcia, afirmou que, assim que fosse liberado para julgamento, ela pautaria o tema "com urgência".
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget