\imprensa Viva
.

Marcos Valério pede transferência de prisão. Publicitário prepara delação bomba e teme pela própria vida


O publicitário Marcos Valério, operador do mensalão do PT e um dos condenados no julgamento da ação 471, encaminhou esta semana uma denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF) informando que o acordo de delação premiada em negociação com o Ministério Público Federal (MPF) está sob risco caso ele continue detido no presídio Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, MG. O governador de Minas, Fernando Pimentel, é do PT e controla todo o sistema carcerário.

Por meio de sua defesa, Valério fala sobre os riscos que está correndo e informa que os agentes penitenciários folheiam os documentos sigilosos que estão sendo escritos por ele e alerta as autoridades para os riscos de vazamentos. Valério informou que já escreveu 78 anexos da delação até o momento e confirma que o conteúdo incriminam políticos e empresários de destaque. A defesa do publicitário afirma que os 78 anexos já prontos são “enriquecidos com farta documentação probatória comprovando o que foi escrito”,

“O sentenciado (Valério) está escrevendo sua delação dentro da cela e por se tratar de um presídio de segurança máxima, diurnalmente os agentes penitenciários vão nos pavilhões e dão geral em todas as celas e inclusive a do senhor Marcos Valério. Em relação à conduta dos agentes em inspecionar as celas não há problema nenhum, o problema é que os agentes quando vão à cela do requerente começam a examinar os cadernos onde estão sendo escritos anexos da delação com informações altamente sigilosas”, diz trecho do documento, apontando para o risco de vazamento.

Nesta terça-feira, 20, o ministro Luís Roberto Barroso, do STF, autorizou a transferência de Marcos Valério para uma unidade prisional de Lagoa da Prata (MG), a 200 km de Belo Horizonte. 
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget