\imprensa Viva
.

Dilma se desespera com investigação da PF em gráficas fantasmas de sua campanha.


A investigação desencadeada pela Polícia Federal nas gráficas contratadas pela campanha da ex-presidente Dilma Rousseff tirou a "tranquilidade" que a petista vinha ostentando nos últimos meses.  A defesa de Dilma ignorou o recesso do Judiciário e contestou a obtenção de depoimentos sem a presença de advogados. De acordo com o advogado da petista, Flávio Caetano, faltou respeito ao contraditório.

Dilma também divulgou uma nota nesta terça-feria, 27, na qual tenta defender a "regularidade das despesas contratadas pela chapa Dilma-Temer". Na nota, Dilma alega que as três empresas contratadas "atenderam aos requisitos legais de regularidade jurídica e de capacidade operacional", bem como afirma que "três gráficas periciadas prestaram serviços em campanhas eleitorais anteriores e a partidos políticos diversos".

Surpreendida com a ação da PF, Dilma demonstrou sua "indignação" com o rumo das investigações que pode lhe custar a liberdade: "Causa perplexidade que, decorridos quase dois anos de intensa investigação pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), seja proferida decisão judicial, a ser cumprida no período de recesso do Poder Judiciário, sem qualquer fundamento de urgência". reclamou a petista, deixando claro seu desconforto com o rumo das investigações.

O Ministério Público Eleitoral (MPE) já havia notificado a presença de "fortes traços de fraude e desvio de recursos" ao analisar as informações colhidas com a quebra do sigilo bancário das gráficas Red Seg Gráfica, Focal e Gráfica VTPB, contratadas pela chapa liderada pela candidata Dilma Rousseff (PT).

Uma das gráficas que prestaram serviços à chapa, a Focal, recebeu cerca de R$ 24 milhões de reais e já foi alvo da Lava-Jato. Segundo maior fornecedora da campanha petista em 2014, a empresa pertence a Carlos Roberto Cortegoso, conhecido como o garçom de Lula e tido como um laranja do PT. O empresário é investigado pela Polícia Federal e Ministério Público Federal na Custo Brasil e é réu por suposta ocultação de propinas.

Dilma é a responsável direta por sua campanha e pode responder criminalmente por ilícitos praticados durante as eleições de 2014, como lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget