\imprensa Viva
.

Sérgio Moro solicita mais 80 vagas no sistema prisional do Paraná. Vem aí o fim do mundo para os corruptos


O juiz federal Sérgio Moro sinalizou que há expectativas de dezenas de novas prisões para os próximos meses. O magistrado solicitou toda uma galeria do Complexo Médico Penal de Pinhais, o CMP, na região metropolitana de Curitiba, para presos da Lava Jato.

A ordem do juiz federal é bastante clara e perturbadora, sob o ponto de vista dos investigados na Lava Jato. Moro determinou  que toda uma ala do presídio seja preparada entre os dias 21 e 25 de novembro. Foi necessária a formação de um mutirão para atender a requisição de última hora. Vários detentos foram remanejados para outros outros setores do complexo prisional.

O pedido de Sérgio Moro significa uma ampliação de 750% no número de vagas que devem ser disponibilizadas para os eventuais presos da Lava Jato. O número de vagas reservadas para presos na Operação salta de 14 para 94. O local já conta com 11 criminosos presos operação comandada por Moro. Outros presos, como o ex-presidente do grupo Odebrecht, Marcelo Odebrecht e Eduardo Cunha estão detidos na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba.

Cada cela tem espaço para três prisioneiros. A cama é de cimento, o banho é coletivo, de água fria, e as necessidades são feitas num buraco no chão conhecido como “boi”. Ao lado dele, fica um tanque.

Os integrantes da cúpula do PT foram informados sobre a determinação do juiz Sérgio Moro. Tudo indica que indica que a investigação conduzida pelo magistrado será incrementada nos próximos dias. Há uma apreensão no partido sobre a presença de Lula entre os próximos alvos.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget