\imprensa Viva
.

Juiz pede perícia para saber se Garotinho está fingindo. Médico é amigo e ocupa cargo indicado pelo ex-governador


A recusa do ex-governador Anthony Garotinho em ser atendido por outros médicos enquanto estava internado no Hospital Souza Aguiar levantou uma série de suspeitas. A começar pelo próprio médico de Garotinho. O médico e amigo pessoal de Garotinho, Marcial Uribe foi  excluído dos quadros do Ministério da Saúde por cometer ato de improbidade administrativa.

Uribe também  conseguiu cargo de médico do Estado do Rio por indicação política, sem concurso público, na época em que Garotinho era governador.

O juiz eleitoral Glaucenir Silva de Oliveira, de Campos, que pediu a prisão de Garotinho, desconfia que o ex-governador esteja fingindo um quadro cardíaco e esteja contando com a conivência de seu amigo médico Marcial Uribe. O juiz Oliveira determinou que uma equipe de peritos do Grupo de Apoio Técnico Especializado (Gate) do Ministério Público do Rio fosse ao hospital Quinta D'Or, para onde o político foi transferido por ordem da ministra do TSE, Luciana Lóssio, para avaliar o real estado de saúde de Garotinho.

No despacho em que determinou a perícia do MP do Rio, o juiz acusou o médico de Garotinho, Marcial Uribe, de ser excluído dos quadros do Ministério da Saúde por cometer ato de improbidade administrativa. E mais: afirma que Uribe teria conseguido cargo de médico do Estado do Rio por indicação política, sem concurso público, "ao tempo do governo Garotinho". Garotinho se recusou a ser examinado pelos médicos do MPRJ, alegando que seu advogado não estava presente.

_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget