\imprensa Viva
.

Palocci pediu !% de propina para o PT e PMDB na obra de Belo Monte, confirma executivo. Usina custou mais de R$ 35 bilhões


A Hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, foi orçada em R$ 16 bilhões, leiloada por R$ 19 bilhões e financiada por R$ 28 bilhões. O valor não parou de subir e chegou a superar a casa dos R$ 35 bilhões ao final do governo do PT de Dilma. Leiloada em abril de 2010, a usina foi arrematada por um grupo de empresas reunidas ainda durante o governo Lula.

Uma das empresas selecionadas para participar da obra foi a Andrade Gutierrez. Esta semana, o ex-presidente da holding, Otávio Azevedo, confirmou em delação na Lava jato que o ex-ministro Antonio Palocci era o responsável pela negociação da propina nas obras. O executivo confirmou que Azevedo disse que Palocci pediu 1% do valor da obra e a propina era para ser dividida entre o PT e o PMDB.  Na ocasião, Pallocci indicou que as quantias deveriam ser pagas a João Vaccari Neto, do PT, e Edison Lobão, do PMDB, então Ministro de Minas e Energia.

Segundo o executivo, o pedido foi feito por Palocci durante um encontro num apartamento na Asa Norte de Brasília. A abordagem foi feita logo após a então ministra da Casa Civil, Erenice Guerra, comunicar que a proposta técnica da empresa havia sido escolhida para tocar as obras da usina, e que a Andrade Gutierrez seria a líder do consórcio..


_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget