\imprensa Viva
.

Dilma deve ser arrastada para as investigações da Lava Jato e ser envolvida em um dos maiores rombos na Petrobras


A ex-presidente Dilma Rousseff deve ser definitivamente envolvida nas investigações da Operação Lava Jato. O nome da petista está relacionado aos contratos superfaturados de navios sonda,  um dos maiores rombos na Petrobras, ao lado de gente como Antonio Palocci e Marcelo Odebrecht.

A dedução tem como base a denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal , MPF, contra nada menos que 15 integrantes da organização criminosa que vitimou a Petrobras. Na denúncia, os procuradores deixam claro o papel de Dilma como autoridade responsável pela viabilização de delitos graves na estatal, como a possibilidade de aumentar o preço de contratos para satisfazer o apetite da Odebrecht. A participação de Antonio Palocci para estabelecer um "novo modelo de licitação" pela Petrobras é apontada como um dos fatores que permitiram o sobrepreço criminoso nos contratos.

Os procuradores apontam que logo após a criação do "novo modelo de licitação", Palocci e Marcelo Odebrecht reuniram-se com Dilma Rousseff, como está registrado num email de Marcelo a Márcio Faria e na agenda pública da Casa Civil:

"Exatamente nesse contexto, corroborando o acerto criminoso entre ANTONIO PALOCCI e MARCELO ODEBRECHT, bem como a efetiva atuação de ANTONIO PALOCCI em favor dos interesses econômicos da ODEBRECHT, constatou-se que, no dia 12/05/2011, ANTONIO PALOCCI se reuniu com DILMA ROUSSEF e MARCELO ODEBRECHT para, dentre outros assuntos, discutir o modelo de contratação que seria implementado para as 21 sondas restantes do Projeto de Sondas da PETROBRAS."

"Corrobora o teor do e-mail o fato de que, conforme divulgado na agenda pública da então Presidente DILMA ROUSSEF, há o registro oficial de reunião realizada na data de 12 de maio de 2011 entre DILMA ROUSSEF e ANTONIO PALOCCI. Além disso, também na agenda pública divulgada pela Casa Civil, há o registro de reunião realizada entre ANTONIO PALOCCI e a então Presidente DILMA ROUSSEF. Ainda, a mesma reunião também estava registrada na agenda de MARCELO ODEBRECHT (“reunião com PR”, ou seja, com a Presidente da República).

Desta forma, corroborada a informação contida no e-mail de MARCELO ODEBRECHT pelos registros de reunião contidos nas agendas públicas da Presidência da República, da Casa Civil e da agenda pessoal de MARCELO ODEBRECHT, não resta dúvidas de que, de fato, a reunião relatada no e-mail acima transcrito efetivamente ocorreu."

Membros da cúpula do PT estão extremamente preocupados com o teor da denúncia do MPF, que oferece muitos detalhes e citações ao nome da ex-presidente. Segundo fontes do partido, ter os dois maiores nomes da legenda envolvidos no escândalo de corrupção da Petrobras pode precipitar o fim do PT.

_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget