\imprensa Viva
.

Até Frei Chico, o irmão comunista de Lula, recebeu propina de obras da Odebrecht na Angola. A vergonha em família


 O ex-presidente Lula parece ter conseguido envolver praticamente toda sua família em seus esquemas de corrupção. Não bastasse a esposa, os filhos e até mesmo um sobrinho de sua primeira mulher, Lula também deu um jeitinho de envolver seu irmão mais velho, o comunista José Ferreira da Silva, conhecido como 'Frei Chico’.

Segundo o Ministério Público Federal, MPF, informou na denúncia contra o ex-presidente Lula que por atuar em favor dos interesses da empreiteira Odebrecht em Angola, o petista recebeu remuneração por palestras e ‘outras vantagens indiretas que incluíram pagamentos de despesas pessoais de seu irmão que o levou para o sindicalismo na década de 70’. Segundo a Procuradoria da República no Distrito Federal, a empreiteira teria pago R$ 10 mil em plano de saúde e outros R$ 10 mil em despesas de combustível do comunista 'Frei Chico’.

Lula foi denunciado nesta segunda-feira, 10, por quatro crimes – organização criminosa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e tráfico de influência. Além do petista, a Procuradoria da República no Distrito Federal denunciou um sobrinho dele, o empresário Taiguara Rodrigues, o empreiteiro Marcelo Odebrecht – preso na Operação Lava Jato desde 19 de junho de 2015 – e ainda outros oito investigados na Operação Janus.

Os repasses para "Frei Chico" eram feitos através da Exergia, a empresa de Taiguara, o sobrinho de Lula, que pagou despesas do plano de saúde do Frei Chico, de sua esposa Ivene e de sua filha Larissa. Segundo o MPF, o irmão de Lula também recebeu R$ 10 mil por meio de um posto de gasolina em São Caetano do Sul. A empresa emitiu, ao todo, R$ 20 mil em notas para a compra de "diesel".
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget