\imprensa Viva
.

PT desmoralizado de vez por corrupção no BNDES. Prisão de Antonio Palocci envolve Lula, Erenice e Dilma


Ao que tudo indica, a operação desta segunda-feira, 26, da Polícia Federal no âmbito da Lava jato revelam novos detalhes sobre a corrupção do PT nos governos de Lula e Dilma. Os dados revelados são nada animadores para o partido e seus líderes. A prisão do ex-ministro Antonio Palocci nesta segunda-feira, 26, durante a deflagração da 35ª fase da Operação Lava Jato, pode ser mais devastadora para o partido do que a prisão do ex-ministro Guido Mantega na semana passada.

A Operação é grande e envolve a expedição de 45 mandados judiciais, sendo 27 de busca e apreensão, três de prisão temporária e 15 de condução coercitiva, que é quando a pessoa é levada para prestar depoimento, em São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.

O nome da operação, batizada de "Omertà", já é um indício de que a extensão da investigação alcança uma organização criminosa. Omertà é um termo da língua napolitana que define um código de honra de organizações mafiosas do Sul da Itália. A Odebrecht, no esquema de distribuição de propina, tratava o ex-ministro como o "italiano", no setor de "operações estruturadas" da empreiteira, que cuidava da distribuição de caixa 2.

Principal alvo da Polícia Federal nesta fase da Lava jato, Antônio Palocci foi ministro da Casa Civil no governo Dilma Rousseff e ministro da Casa Fazenda no governo Lula. A prisão do ex-ministro foi um pedido da PF, acatado pela Justiça.

As suspeitas sobre Palocci surgiram na delação de outro acusado na Lava Jato, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras  Paulo Roberto Costa. Ele disse que, em 2010, Alberto Youssef lhe pediu R$ 2 milhões da cota de propinas do PP para a campanha presidencial da presidente Dilma Rousseff. O pedido teria sido feito por encomenda de Palloci.

Segundo a PF, a atual fase investiga indícios de uma relação criminosa entre um ex-ministro  com o comando da principal empreiteira do país. O investigado principal atuou diretamente como intermediário do grupo político do qual faz parte perante o Grupo Odebrecht. O dinheiro roubado foi para ele e para o PT. Palocci roubou para ele e para o partido em três frentes: no BNDES, na Petrobras e no governo.

"Há indícios de que o ex-ministro atuou de forma direta a propiciar vantagens econômicas ao grupo empresarial nas mais diversas áreas de contratação com o Poder Público, tendo sido ele próprio e personagens de seu grupo político beneficiados com vultosos valores ilícitos", diz a PF.

As investigações apontam ainda que dentre as negociações estão tratativas entre o grupo Odebrecht e o ex-ministro para a tentativa de aprovação do projeto de lei de conversão da MP 460/2009, que resultaria em imensos benefícios fiscais, aumento da linha de crédito junto ao BNDES para país africano com a qual a empresa tinha relações comerciais, além de interferência em licitações da Petrobras para aquisição de 21 navios sonda para exploração da camada pré-sal.

Embora a cúpula do PT acredite que Palocci seja mais resistente à um possível acordo de delação premiada, o mesmo não pode ser dito sobre as pessoas ligadas ao ex-ministro presos nesta operação. a PF prendeu também seus dois principais assessores na Casa Civil, Juscelino Dourado e Branislav Kontic. Juscelino não é um personagem qualquer. É um homem forte e delator potencial. O ex-assessor do de Palocci já demonstrou sua fragilidade em outras investigações.

O PT teme agora que as investigações iniciadas nesta fase podem gerar novos desdobramentos que podem levar à ex-ministra da Casa Cilvil, Erenice Guerra, envolvida nos esquemas de propinas na Usina de Belo Monte. A revelação do cinturão em torno de Palocci pode aprofundar o comprometimento do PT e tornar a proposta de cassação do registro do partido algo inevitável.

A prisão de Palocci é apenas a ponta do iceberg. Esta nova fase da Operação Lava Jato deve resultar em pelo menos outros dez desdobramento envolvendo a Odebrecht, a Petrobras, o BNDES e os governos de Lula e Dilma.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget