\imprensa Viva
.

Operação Greenfield da Polícia Federal investiga fraudes do PT de R$ 8 bilhões em fundos de pensão


A Polícia Federal acaba de deflagrar a Operação Greenfield, que  investiga irregularidades praticadas por pessoas ligadas ao PT em fundos de pensão de estatais. Cerca de 300 Policiais federais foram às ruas nesta segunda-feira (5) em uma mega operação para elucidar uma série de irregularidades praticadas nos quatro maiores fundos de pensão do país, todos ligados a estatais.  Os quatro fundos investigados pela PF são o Postalis (Correios), Previ (Banco do Brasil), Petros (Petrobras) e Funcef (Caixa).

As fraudes investigadas pela PF podem ultrapassar a cifra dos R$ 8 bilhões. Ao todo, são cumpridos 106 mandados de busca e apreensão, 34 mandados de condução coercitiva e 7 mandados de prisão temporária. De acordo com a Polícia Federal, os alvos são 74 pessoas e 38 empresas ou entidades.

Os alvos da operação "Greenfield" são focos tradicionalmente controlados pelo Partido dos Trabalhadores, como  a Funcef (fundo de pensão de funcionários da Caixa), a Petros (de trabalhadores da Petrobras), a Previ (de funcionários Banco do Brasil) e o Postalis (de trabalhadores dos Correios). A ação da PF conta com auxílio do Ministério Público Federal, a Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

"A decisão judicial ainda determinou o sequestro de bens e o bloqueio de ativos e de recursos em contas bancárias de 103 pessoas físicas e jurídicas que são alvos da operação no valor aproximado de R$ 8 bilhões", informou a Polícia Federal
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget