\imprensa Viva
.

O futuro obscuro de Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo. Proteção de Toffoli no STF começa a fraquejar


A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e seu marido Paulo Bernardo (PT-PR) estão vivendo dias de dor e angústia diante da delicada situação perante as autoridades. O casal, que tem dois filhos, enfrenta uma investigação que envolve o uso de dinheiro roubado da Petrobras e dinheiro roubado de aposentados e servidores públicos no esquema comandado por Paulo Bernardo no Ministério do Planejamento.

O dinheiro roubado nos dois casos teria abastecido a candidatura de Gleisi Hoffmann ao Senado. O cerco se fecha sobre o casal esta semana. Após vários adiamentos, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal, STF marcou para esta terça-feira, 27 o julgamento da denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República, PGR contra a senadora Gleisi e seu marido Paulo Bernardo.

Os dois foram denunciados ao Supremo sob a acusação de terem recebido R$ 1 milhão para campanha da senadora em 2010. De acordo com depoimentos de delatores na Operação Lava-Jato, o valor é oriundo de recursos desviados de contratos da Petrobras.

O casal pode enfrentar uma pedreira na segunda turma do STF, composta pelos ministros Gilmar Mendes,  Celso de Mello, Teori Zavascki, Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli. O fiel da balança, nesta caso, pode ser o ministro Celso de Mello.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget