\imprensa Viva
.

Marisa Letícia e Jacó Bittar atuaram para viabilizar novo prédio do Instituto Lula em terreno comprado pela Odebrecht


O delegado da Polícia Federal Filipe Pace, da força-tarefa da Lava Jato confirmou a participação da ex-primeira dama Marisa Letícia, esposa do ex-presidente Lula e do empresário Jacó Bittar, nas tratativas para a construção da nova sede do Instituto Lula. Jacó Bittar aparece como um dos donos do Sítio em Atibaia.

No Sítio, a Polícia Federal encontrou uma minuta da compra do terreno, bem como as plantas relativas à construção do prédio da nova sede do Instituto Lula. O projeto arquitetônico coincidia com as dimensões do terreno adquirido pela Odebrecht, que se encarregou de ocultar a propriedade do terreno através de outra empresa.

O terreno teria sido comprado pela Odebrecht, em uma negociação intermediada pelo advogado do ex-presidente Lula, Roberto Teixeira e de seu amigo, o ex-pecuarista José Carlos Bumlai. Segundo a Polícia Federal, os detalhes relativos à aquisição do terreno destinado ao Instituto Lula eram repassados de Marcelo Odebrecht para o assessor de Antonio Palocci, Branislav Kontic.

A Lava jato cruzou informações constantes na minuta da compra do terreno encontrada no sítio em Atibaia com a planilha 'italiano' da Odebrecht, referente ao ex-ministro Antonio Palocci, na qual há o registro do pagamento de R$ 12 milhões, que "coincide com o valor de avaliação do terreno, de R$ 10 milhões, acrescido à dívida de R$ 2 milhões que havia com a Prefeitura".


_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget