\imprensa Viva
.

Lula e Rui Falcão querem o fim das eleições diretas no PT. Não respeitam a democracia nem no próprio partido


O ex-presidente Lula vem se articulando com o presidente nacional do PT para colocar um fim na eleição direta no partido e a imposição do nome do senador Lidbergh Farias para a presidência da legenda. Lula e Falcão defendem que seja realizado um congresso entre para a escolha das lideranças do partido, sem a participação dos filiados, que passariam a escolher apenas as lideranças regionais da legenda, sem o direito de interferir no plano nacional.

Lula está enfrentado a resistência da maior corrente interna do PT, a CNB (Construindo um Novo Brasil) que está contestando formalmente as propostas do líder máximo da legenda e seu conluio com o atual presidente, Rui Falcão.

Jorge Coelho, um dos vice-presidentes da sigla, defende a manutenção da eleição direta e chama Lula, Falcão e outros defensores da ideia de "capas pretas", e afirma que os idealizadores do tal congresso tentam impor o "mandonismo", uma espécia de de ditadura dentro do partido.

"A concepção que está subjacente ao fim das diretas do PT é retirar o direito do voto de um filiado ter o mesmo valor do voto do chamado capa preta", diz o documento divulgado pela CNB.

"Hoje os filiados votam nas direções e presidentes locais, estaduais e nacional. Com o fim das diretas do PT, o filiado só votaria na direção local, ficando a nobre tarefa de eleger a direção estadual aos iluminados do Estado, e apenas os nobres, nobilíssimos, ungidos escolheriam a direção e o presidente nacional.", destaca a nota.
_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget