linkaki

Lula desviou cerca de 20 bilhões de reais dos cofres públicos, diz delator na Lava jato


Membro do PT desde 2001, ex-líder do governo Dilma no Senado e amigo íntimo de Lula, o ex-senador petista Delcídio do Amaral confirmou maus uma vez aos procuradores da Lava Jato que o ex-presidente chefiou pessoalmente toda a quadrilha que participou do assalto à Petrobras ao longo dos últimos 13 anos. Segundo o ex-senador, o esquema conduzido por Lula  desviou cerca de 20 bilhões de reais dos cofres públicos.

O  ex-senador  formalizou a denúncia contra Lula. No depoimento, o ex-petista confirmou que Lula distribuiu as diretorias da estatal entre políticos aliados em troca do apoio deles no Congresso.

O envolvimento de Lula não foi nada superficial. Além de cuidar pessoalmente de cada detalhe do loteamento, da divisão dos postos à escolha dos nomeados, Lula teria pleno conhecimento de que os partidos usavam os cargos para cobrar propina de empreiteiras e financiar seus caixas e campanhas eleitorais.

Segundo o ex-senador, o esquema de desvios da estatal era uma ação orquestrada e coordenada de governo que tinha o objetivo de comprar apoio político-partidário com propina desviada de contratos superfaturados da Petrobras. Lula não abria mão de controlar todos os detalhes do esquema e despachava pessoalmente com os diretores corruptos da estatal, numa função que extrapolava todos os limites do razoável.

Informe seu Email para receber notícias :