\imprensa Viva
.

Eike Batista, que confirmou que pagou propina para Guido Mantega, também é alvo da PF na Operação Arquivo-X


Uma empresa do ex-bilionário Eike Batista também foi alvo da Polícia Federal, que deflagrou na manhã desta quinta-feira, 22, a 34ª fase  da Operação Lava-Jato, na qual o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega foi preso temporariamente.

A OSX Construção Naval S.A, de Eike Batista, teria sido utilizada para o repasse de vantagens indevidas e desviado recursos da Petrobras para pagar dívidas de campanha da ex-presidente Dilma Rousseff. Eike Batista confirmou que repassou valores em dólares ao ex-ministro de Dilma, Guido Mantega . Também estão sendo cumpridos mandados no Rio de Janeiro, em Minas Gerais, no Rio Grande do Sul, na Bahia e no Distrito Federal.

A Operação Arquivo-X apura um conjunto de irregularidades em dois contratos assinados entre a Petrobras e o consórcio Integra Offshore, formado pela OSX, de Eike Batista, e a Mendes Júnior, que ganharam contratos para a construção das plataformas P-67 e P-70 para a exploração das reservas do pré-sal. Segundo os investigadores, Mantega negociou as propinas diretamente com as empresas contratadas pela Petrobras para repassar recursos para pagamentos de dívidas de campanha. Entre as suspeitas de crimes, estão a prática de corrupção, fraude em licitações, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

A empresa de Eike não tinha qualificação técnica para participar da operação e entrou no esquema apenas para participar do bolo de quase R$ 1 bilhão em contratos. Parte do dinheiro foi repassado para quitar dívidas de campanha de Dilma, através do então ministro Guido Mantega.

O empresário Eike Batista já havia confirmado à Polícia Federal que havia feito repasse de propina para Guido Mantega.
Fonte da imagem: O Antagonista

_____________
__________

Postar um comentário

Todas as notícias

Siga no Facebook

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget